Pergunte ao especalista

Em Foco

Marcílio Floresti expõe no Hemocentro

21/02/2011

Vai até o dia 8 de março a Exposição de Artes Plásticas do Hemocentro da Famema (Faculdade de Medicina de Marília). O talento e a criatividade do artista plástico Marcílio Alberto Floresti podem ser vistos na mostra, que é aberta ao público e faz parte de projeto de humanização da unidade de hematologia e hemoterapia.

“Tenho esclerose múltipla e a pintura é uma terapia para mim. As dificuldades que tenho não aparecem quando estou em frente às telas. Algumas imagens são recordações de minha infância”, contou Marcílio, que pinta quadros há quatro anos.

As paisagens são as cenas preferidas do artista, mas ele fala com orgulho de outras obras como silhueta de mulher, cabeça em pensamentos, vasos, frutas, entre outros.

Marcílio não havia tido contato com a pintura até diagnosticar o problema de saúde, em 2001. Ele conta que ficou muito tempo “encostado” e em 2006 foi para as aulas com a professora Marília Napi. “Foi muito bom, gostei, quando estou pintando entro na tela, esqueço de tudo, nem sei explicar como é, só o artista sente, é muito delicado.”

A assistente social do Hemocentro, Dayane Galletti, comentou que os doadores admiram as obras. “O ambiente fica mais harmônico com as obras e por esta razão abrimos espaço para artistas plásticos realizarem exposições na nossa unidade”.

As visitações podem ser feitas no horário de funcionamento do Hemocentro, das 7h às 18h de segunda a sexta e das 7h às 12h aos sábados. A unidade fica na rua Lourival Freire, 240 - ao lado do Fórum e o telefone para informações é 3402-1850.


fonte: Diário de Marília

Outras Noticias