Pergunte ao especalista

Em Foco

ALPB conscientiza sobre Esclerose Múltipla

12/08/2009

 

Extraído de: Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba -  11 de Agosto de 2009

O presidente da Apbem, Severino José de Araújo, ressaltou na ocasião a importância do esclarecimento como forma dos portadores obterem um diagnóstico adequado e também de se combater o preconceito. De acordo com ele, há uma estimativa de que existam 120 portadores de esclerose múltipla, já que há números ainda não quantificados no interior do Estado.

Ele ainda falou sobre o trabalho desenvolvido pela Apbem no apoio aos portadores da doença. "A Apbem tem como intuito maior levar informações, palestras sobre o direito dos portadores, oficinas de arte que funcionam como terapia, além da assistência psicológica fornecida pela ALPB, fisioterápica disponibilizada pelos professores da UFPB. Temos feito tudo para congregar os portadores e para que estes possam viver melhor com essa patologia".

A neurologista especializada em esclerose múltipla, Bianca Oliveira explicou que a é uma doença crônica inflamatória, desmilienizante, ou seja, lesa a bainha de mielina, que é o envoltório que protege a célula nervosa, causando alterações no sistema nervoso central, no cérebro e na medula. Os sintomas mais comuns, dependendo de cada indivíduo são: perda visual, fadiga, alterações no controle das funções fisiológicas, perda de força, gerando paralisias, dificuldade para engolir e perda de memória.

Segundo a médica, o ideal é que o profissional que pense no quadro de esclerose múltipla, em pacientes jovens que apresentem esses sintomas, devem fazer o encaminhamento necessário. Porque ao contrário do que as pessoas pensam, a EM acomete muito mais adultos jovens (20 a 40 anos).

"A doença não tem cura e pode ter um caráter progressivo,mas existem medicações que são fornecidas pelo Ministério da Saúde para controle da doença. Com o diagnóstico precoce, início do tratamento específico de preferência em um centro especializado em cuidar desse paciente, ele tem uma vida normal", esclareceu ela.

O autor da propositura da sessão, deputado Dunga Júnior (PTB) avaliou positivamente as discussões. "Estarei apresentando como projeto de lei, a criação do Centro de Esclerose Múltipla da Paraíba, além de organizarmos uma caravana para visitar o centro de Pernambuco. Também farei a proposta da criação do Dia Estadual de Esclarecimento da Esclerose Múltipla. As discussões também irão para o âmbito da Comissão de Saúde da Casa".

 

Autor: CAROLINA PACHECO

fonte: http://www.jusbrasil.com.br/noticias/1673998/alpb-conscientiza-sobre-esclerose-multipla

Outras Noticias